sábado, 7 de julho de 2007

Hoje voltando do mercado, percebi uma agitação fora do normal na nossa universidade,lembrei-me que é véspera de vestibular...Há pessoas de vários cantos do país...Pais que trazem seus filhos e ficam na torcida de que eles conquistem a vaga tão sonhada em uma universidade publica e de qualidade...Dai eu fico pensando é muito contraditório todo esse movimento, toda a preparação que o comércio e o governo(digo o governo tb pq na epoca de vestiba a universidade é toda maquiada) faz para receber os vestibulando, e quando se trata de investir no ensino e na pesquisa..O governo faz um movimento de tendencias a investir em universidades particulares..lançando projetos que facilitem o pagamento das mensalidades..Eu não sou contra universidades particulares, sou contra o desinvestimento total nas publicas e o lançamentos de cursos de curto prazo que visa o profissional técnico...Falo do profissional "pronta entrega"
Estamos no tempo do Recuo da teoria..As universidades vem colocando no mercado, profissionais práticos, vazios, ocos sem a capacidade de reflexão..Conseguem fazer o que lhes foi destinado e ponto...
Nas Universidades particulares não há o investimento pesado em pesquisa, pois é na pesquisa, no ativar nossa curiosidade e inteligencia de ser humano é que conseguimos desenvolver funções como o pensamento, a abstração, a compreensão e a analise da situação...O que é preocupante é que a educação que está sendo ofertada está na superficialidade, nas aparências, no ato puro...
Talvez essa seja uma das razões que estamos presenciando uma sociedade que vive a Barbárie, sem leis, sem limites e só no relaxe e goze...
Indigna-me os salários tão baixos de professores doutores..Me indigna ver que a tendência é a Universidade publica de ponta é desaparecer ser engolida pelo descaso..Me indigna saber que a população simplesmente está a mercê disso e sem ao menos tomarem conhecimento do patrimônio que está sendo arruinado,pois na Universidade Publica está o dinheiro dos impostos de pessoas que lutam a semana toda e nem conhecem muitas vezes os serviços que esta oferece a comunidade externa...
Eu estudo em uma ótima Universidade e meus estudos são pagos através de impostos de todo um povo que talvez nunca vai poder usufruir desse centro de excelência em ensino, por uma série de diferenças sociais que a nossa sociedade criou...Faltam investimentos no ensino de base para que todos possam chegar com um preparo adequado ao vestibular...
Mas creio que o mínimo pode ser feito: Oferecer serviço de qualidade..E isso exige capacidade de reflexão por parte do profissional seja lá qual for, vivemos uma época difícil e não basta apenas criticar temos que apresentar soluções ou PENSAR soluções coisa que a sociedade não gosta...Tomar consciência, analisar, PENSAR dói gasta muito ATP e exige uma mudança de postura pessoal e ir na contra mão do que o neoliberalismo prega...
Eu não sou contra compras, comercio etc... Sou contra o uso abusivo disto! Tudo na nossa vida se percebemos está a mercê do mercado..Inclusive o mercado financeiro ganha atribuições humanas (Hoje o mercado está nervoso).E as nossas relações atribuições mercadológicas (estar com alguém hoje não mais doar-se e sim INVESTIMENTO). É de uma confusão total essa nossa sociedade, incoerência de falas e comportamentos...
E a tendência é a de construirmos estruturas egóicas cada vez mais degradadas,um psiquismo pobre de recursos e um individuo cada vez mais superficial, aparente e com tendências ao adoecimento,ao vazio psíquico, pois as tendências pós modernas não suprem o que nosso psiquismo pede que é Deus, o conhecimento, as relações afetivas profundas (intimidade) e a arte.

Mas finalizando a nossa conversa inicial uma educação de boa qualidade possibilita ao individuo perceber-se e reconhecer-se como agente da história. E ao sujeito tomar consciência do interno e do externo e sugerir possibilidades de intervenção quando necessário... E é isso que me preocupa, pois não é interesse dos nossos governantes garantir através de Politicas publicas que nossa população tenha acesso a uma educação de qualidade, aquela supra a nossa sede de conhecer...E que os investimentos não fiquem apenas no imediatismo dos vestibulares, mas que sejam pensadas soluções a longo prazo... Pois acho que é isso que falta às pessoas: Estimulo de saber que o conhecimento escolar , que leitura é algo bom e prazeroso e nos permite ver além das aparências.
E que a teoria e a pratica andam de mãos dadas devemos ler, refletir e estudar muito para uma prática eficaz e que foge dos parâmetros pós modernos da
Auto Ajuda com sua ideologia precupante diz: A verdadeira força está toda dentro de você, mas se der alguma coisa errada a culpa também é exclusivamente sua...
E assim a idéia corrente vai descartando toda uma situação social de lembrarmos que dependemos do outro para viver, descartando historias de todo um povo, histórias de vida...E propõe que a força do seu pensamento (seja ele positivo ou negativo) mude uma situação. Digo com todas as letras que pensamento sozinho não muda nada. E sim o que muda é força do seu trabalho e o quanto esse trabalho é desempenhado de um modo consciente.

palavra viva de siiii..

2 comentários:

Tulipa disse...

ótima crítica de consciencia lúcida e bastante válida!!

gre disse...

Homem oco, homem lata! Sua percepção está direcionada ao efêmero, ao instantâneo, ao consumo e ao consumo!!!! Homem passa anos sofrendo em um trabalho que não gosta para acumular riquezas, para depois gastar tudo em remédios para as dores cavalares conseqüentes do trabalho realizado anos a fio sem condições. Mas era mais importante juntar a grana, para comprar isso e aquilo...e então vem o sofrimento. E o pobre homem lata nem se apercebeu ainda disso... A vida é agora sim... mas a vida intensa, a vida cheia de sentimentos, necessidades, a vida de relações profundas como disse a Sii...é o que nos falta enxergar!
Adorei seu texto Sii! Ótima reflexão!!!
Beijos!